Vídeo: tecnologia contra coronavírus prevê quais infectados terão complicações

A tecnologia de inteligência artificial tem uma base de algoritmos que ajudará os médicos a tomar decisões mais precisas sobre o uso de recursos que estão no limite por causa da pandemia.

Um grupo de pesquisadores da China e dos Estados Unidos desenvolveu uma nova ferramenta para prever quais pacientes infectados com coronavírus podem desenvolver problemas mais graves nos pulmões.

A tecnologia de inteligência artificial tem uma base de algoritmos que ajudará os médicos a tomar decisões mais precisas sobre o uso de recursos que estão no limite por causa da pandemia.

A ferramenta revelou diversos indicadores que ajudam a prever quais pacientes vão desenvolver uma condição conhecida como síndrome respiratória aguda. Os testes foram realizados com 53 pacientes contaminados, em dois hospitais na cidade chinesa de Wenzhou.

A ferramenta, de acordo com médicos, tem precisão de 80% de detecção. É a tecnologia alimentando esperanças.

Deixe uma resposta

%d blogueiros gostam disto: